Última Postagem

quarta-feira, 22 de outubro de 2014

Grande Passeata encerra a passagem de Dilma/Lula por Pernambuco

|0 comentários
dilma no recife

Uma grande caminhada pelas ruas do Centro do Recife encerrou a maratona de agendas que a presidente e candidata à reeleição Dilma Rousseff (PT) teve em Pernambuco durante esta terça-feira (21). Ela chegou ao Parque 13 de Maio por volta das 18h30, onde militantes já a aguardavam.
Dilma veio acompanhada do ex-presidente Lula e dos senadores Humberto Costa (PT) e Armando Monteiro Neto (PTB), que concorreu ao governo do estado, este ano, com apoio dela. A vereadora do Recife, Marília Arraes (PSB), prima do ex-governador Eduardo Campos (PSB), também estava presente, assim como os deputados federais João Paulo (PT), Paulo Rubem (PDT) e a deputada federal eleita Luciana Santos (PCdoB).

O grupo seguiu pela Avenida Conde da Boa Vista em carro aberto. O destino foi a Praça da Independência, conhecida como a pracinha do Diario. Da sacada dos prédios, muitos moradores jogaram papéis picados a medida que o cortejo passava.
Diversos carros de som tocaram jingles. Os ônibus de linha que circulam pela Conde da Boa Vista ficaram parados, provocando uma enorme fila de veículos engarrafados. Em um deles, o motorista decidiu sair do ônibus e começou a dançar em cima do coletivo.
Ao chegar na pracinha do Diario, a candidata fez um discurso. Dilma disse que está enfrentando a mais aguerrida disputa presidencial. Ela também afirmou que há muitas coisas a serem feitas no Brasil, mas o governo está no rumo certo. "Temos que melhorar a educação, segurança e saúde. Mas hoje esse país não se ajoelha diante do Fundo Monetário Internacional."
Ainda enquanto a presidente fazia o percurso, o ex-prefeito do Recife, João Paulo (PT) falou para a multidão na pracinha. Ele fez muitas críticas ao PSDB e ressaltou projetos sociais do PT. Reclamou que apenas os “ingratos” e “traidores” não reconhecem o que Lula e Dilma fizeram por Pernambuco. O deputado Paulo Rubem (PDT) também discursou e pediu mobilização nos últimos dias de campanha.

domingo, 19 de outubro de 2014

Garanhuns com Dilma- Passeata e Ato Público

|0 comentários

A passeata de Dilma, articulada através do facebook, pra mim foi um sucesso, pois não foi convocada por nenhum grupo político da cidade, todos que estavam lá o foram espontaneamente e o mais importante foi a receptividade do nosso povo que no trajeto aceitava os panfletos e adesivo com carinho e entusiasmo. Pessoalmente foi muito gratificante, pois pela primeira vez meus filhos participaram de um momento político e sem que eu “mandasse”, logo meu filho teve a ideia de colocar adesivos nos carros,  pedi que só o fizesse se tivesse autorização dos donos ai trocou os adesivos por panfletos que colocava nos limpadores.

fotos da camara 162

Você participou? veja as imagens da passeata.

No colunata Tivemos um momento lindo, onde a fala de Pe. Gabriel com seus 69 anos de trabalho com o povo teve o contraponto….

Do Jovem participante do D.A. da UPE, unidos pelo mesmo objetivo, eleger Dilma para o Brasil continuar avançando nas Conquistas Sociais.

Alem deles, tivemos a participação da Compoanheira Lucimar, representante da FETAPE, que mostrou claramente porque devemos votar em Dilma.

Também tivemos a fala da professora Heloísa da UFRPE-UEG mostrando que os comprometidos com a verdadeira Educação, aquela que LIBERTA ESTÃO COM dILMA.

sexta-feira, 17 de outubro de 2014

Programação da V Mostra de Artes Cênicas Marcos Freitas

|0 comentários

Garanhuns-recebe-V-Mostra-de-Artes-Cênicas-Marcos-Freitas

Outras quatro cidades do Agreste Meridional contam com programação a partir do dia 20

Desde segunda-feira (13), o Serviço Social do Comércio de Pernambuco (Sesc/PE) e a Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (Fecomércio) realizam a V Mostra de Artes Cênicas Marcos Freitas. A mostra segue com atividades até o dia 25 de outubro e cidades como Garanhuns, Brejão, Jupi, Jucati e São João estão incluídas no projeto. O evento conta com o apoio do Governo Municipal, por meio da Secretaria de Cultura.

A programação contempla espetáculos teatrais, apresentações de dança, performance, aula espetáculo com Marcos Freitas, exposição de arte e oficinas. Em Garanhuns, as oficinas começam na segunda-feira (13). As demais atividades acontecem seguem até o último dia do evento.

O supervisor de Cultura do Sesc Garanhuns, Josimar Araújo, comenta a importância desse evento na cidade. “A Mostra de Artes Cênicas Marcos Freitas chega a sua quinta edição buscando fomentar a cultura em Garanhuns e em toda a região. Dessa forma, viabilizamos o acesso da sociedade às artes cênicas e visuais, e, ao mesmo tempo, cumprimos com a missão do Sesc nacionalmente”, ressalta.

Confira, abaixo, a programação completa da V Mostra de Artes Cênicas Marcos Freitas

Oficinas em Garanhuns

13 a 16 de outubro – 14h às 17h (20 Vagas)
Oficina de teatro – A criação do personagem
Professor: Marcos Freitas
Local: Ateliê de Artes Plásticas Sesc Garanhuns

14 a 16 de outubro – 9h às 13h (25 vagas)
Oficina de iluminação cênica
Professor: Eduardo Albergaria
Local: Centro Cultural Alfredo Leite Cavalcanti

14 a 16 de outubro (25 Vagas)
Oficina de cavalo marinho
Professora: Tainá Barreto
Local: Salão de Eventos Sesc Garanhuns

Demais atividades

Sexta-feira (17) – 20h
Branco – Coletivo Tear (Performance)
Classificação livre
Local: Galeria de Artes Ronaldo White – Sesc Garanhuns
20h30
Mostra coletiva de gravuras – Gráfica Lenta (Exposição)
Local: Galeria de Artes Ronaldo White – Sesc Garanhuns

Sábado (18) – 19h
Aula espetáculo com Marcos Freitas (Vivências na Cena)
Classificação 12 anos
19h40
Apresentação do documentário “Na cena com Marcos Freitas”
Classificação 12 anos
20h
O Estrangulador – Sesc Casa Amarelo (Teatro adulto)
Classificação 12 anos
Local: Centro Cultural Alfredo Leite Cavalcanti

Domingo (19) – 16h
A menina que Falava com as Coisas – Cia. Faz de Conta (Teatro para infância e juventude)
Classificação livre
Local: Centro Cultural Alfredo Leite Cavalcanti

Segunda-feira (20) – 16h
Faustino, um Fausto Nordestino – Grupo Cena (Teatro de rua)
Classificação Livre
Local: Praça Central em São João (PE)
20h
A Dama da Noite – Cia. de Teatro Popular (Teatro Adulto)
Classificação 16 anos
Local: Centro Cultural Alfredo Leite Cavalcanti

Terça-feira (21) – 16h
Aruá, o Boi Encantado – Troupe Azimute (Teatro de rua)
Classificação livre
Local: Praça Central em Brejão (PE)
20h
Alumbramento Bandeira – Sesc Santo Amaro (Teatro adulto)
Classificação 12 anos
Local: Centro Cultural Alfredo Leite Cavalcanti

Quarta-feira (22) – 16h
Faustino, um Fausto Nordestino – Grupo Cena (Teatro de Rua)
Classificação Livre
Local: Praça Central em Jupi (PE)
20h
Vamos Falar de Amor – Sesc Santa Rita (Teatro adulto)
Classificação 12 anos
Local: Centro Cultural Alfredo Leite Cavalcanti

Quinta-feira (23) – 16h
Aruá, o Boi Encantado – Troupe Azimute (Teatro de rua)
Classificação Livre
Local: Praça Central em Jucati (PE)
20h
Para Sempre Teu – Cia. de Dança Qualquer Um dos 2 (Dança contemporânea)
Classificação 16 anos
Local: Centro Cultural Alfredo Leite Cavalcanti

Sexta-feira (24) – 20h
Rio de Contas – Cia. de Dança Sesc Petrolina (Dança contemporânea)
Classificação 10 anos
Local: Centro Cultural Alfredo Leite Cavalcanti

Sábado (25) – 11h
Tá Tudo Brega – Cia. de Dança Sesc Petrolina (Dança contemporânea)
Classificação Livre
20h
Experimental 20 Anos – Grupo Experimental (Dança contemporânea)
Classificação 10 anos
Local: Centro Cultural Alfredo Leite Cavalcanti

terça-feira, 14 de outubro de 2014

A Memória de Arraes e o PSB

|0 comentários

aecio

Para a nova face do PSB, que ainda mantém o nome de Partido Socialista Brasileiro, foi decisivo o papel da direção partidária de Pernambuco. Nesta nova face, que alguns já chamam de novo fascio, têm lugares decisivos o avô Miguel Arraes e o neto Eduardo Campos. Mas como opostos e ruptura em um processo de morte, enterro e transformação. Façamos um brevíssimo recuo.

Em 13 de agosto de 2005, escrevi que os obituários, sempre tão generosos no olho e olfato de abutres, pois sempre esvoaçam e rondam a agonia dos grandes homens, daquela vez haviam falhado no alcance e na mira. Sempre tão bons no faro e argúcia, daquela vez os obituários haviam errado o cadáver do brasileiro Miguel Arraes. No entanto hoje, no mais recente outubro de 2014, que continua o trágico 13 de agosto deste ano, o cadáver é outro. Ou melhor, Eduardo Campos ainda não é um cadáver, como foi o socialista e avô em 2005. Hoje, Eduardo Campos se tornou um fantasma, que ronda o Brasil a partir de Pernambuco.

A mudança no perfil do PSB foi de tal forma, que não devemos falar em diferenças. Talvez devêssemos falar na decomposição de um nobre que gerou um vampiro. Quando era presidente nacional do PSB, Miguel Arraes alertava que as eleições não deviam contaminar o partido. Mas o que Arraes dizia, os valores pelos quais o pensador de esquerda Miguel Arraes lutava têm agora a moldura de marketing. As ideias de Arraes não mais lutam, hoje apenas enlutam. Em lugar da luta, o luto, das suas ideias. Para o luto de Eduardo Campos.

Desde o velório, diante do seu corpo, os sinais de esgotamento do PSB pulavam entre os vivos. De fato, no contexto armado do show mortuário em frente ao palácio do governo de Pernambuco, cujo mote era uma tragédia, entre os telões com os atores políticos e pessoas com bandeiras eleitorais do PSB e de Marina Silva, a ressurreição falava mais perto à terra. Porque o significado era mais simples e baixo, nas condições do show eleitoral criado em torno da missa: a ressurreição era para Marina Silva e a inclinação à direita.

Ali começou a campanha da onipresença da direita no Recife e no Brasil, de modo sufocante e matador da sensibilidade e inteligência. A trágica morte de Eduardo Campos foi usada sem nenhum pudor. Desde o velório, plantaram-se boatos de que Dilma e o PT eram responsáveis pela morte física de Eduardo Campos. Durante toda a campanha, Eduardo Campos se tornou o personagem El Cid, aquele que morto teve o cadáver posto, amarrado a um cavalo, a cavalgar na batalha, para que desse a ilusão de vida e assim melhor ânimo espalhasse na tropa. Mas o caminho à direita já estava aberto bem antes do feito heroico do novo El Cid.

Para o PSB, Arraes como pensamento já era passamento, morte, anterior ao desastre de 13 de agosto de 2014. A sua prática, do avô, a sua destruição, pelo neto, estava em queda antes da tragédia do avião. Aquele abraçar contrários, ex-adversários, inimigos do avô Arraes, como Jarbas Vasconcelos, ao mesmo tempo que se voltava para um lugar distante de aliados, amigos de esquerda e socialistas históricos, a quem antes havia abraçado, isso já estava claro, porque se fazia a olhos vistos. Mas sempre com um sorriso aberto, que era um passaporte para a mordida, que a maioria de nós não víamos.

Uma das maiores contribuições de Maquiavel foi abstrair da análise política os propósitos virtuosos, repletos de valores éticos e edificantes. Mas isso não significa que a moral, no reino até dos animais, tenha deixado de existir. Daí que lembramos de passagem a mudança assustadora do PSB em Pernambuco, que se transformou também em partido fincado em laços de amizade e genéticos. Com Arraes, naquele tempo que se apagou definitivo, havia ex-companheiros do tempo da resistência democrática que o acusavam de concentrador, porque não distribuía generoso cargos, valores e representações, e, pior, não abria espaço para que os ex-companheiros também ascendessem ao poder no tempo das vacas gordas. Quanta ironia, quando se compara com o PSB que Eduardo Campos construiu. O neto não seguiu o avô, embora tenha usado a sua memória mais de uma vez para receber apoios na esquerda e receber atenções materiais dos governos Lula e Dilma.

Quando se olha a administração pública, pela incidência de nomes vinculados aos Campos e Arraes, temos a impressão de que estamos diante de novos nobres, ou um clã de novos Kennedys. A comparação, a lembrança do nome Kennedy, não vem por acaso, mas não cabe um aprofundamento nos limites deste artigo. O fato é que o DNA Arraes aparece em todos os caros cargos da administração. Segundo uma pesquisa publicada no site Vi o Mundo, em reportagem de Conceição Lemes, Chico Diniz e Daniel Bento, os parentes de Eduardo Campos se estendiam da mãe Ana Arraes, no Tribunal de Contas da União, a sobrinhos, tia, sogro, cunhada, ex-cunhado e primos em cargos relevantes de Pernambuco. O que mais chamava a atenção na lista era a presença de três gerações de familiares de Eduardo e Renata Campos na administração estadual, inclusive jovens. (Em http://www.viomundo.com.br/denuncias/eduardo-campos-tem-parentes-no-governo-secretario-nega-nepotismo.html ) É uma família de gênios, reconheçamos. Da mãe aos primos e filhos, a quem já prometem um futuro venturoso na política.

Que diferença, para os princípios “atrasados“ do velho Arraes, que exigia da filha Mariana uma prática de jornalismo sem privilégios, pois a deixava correr perigo em programa de rádio de Direitos Humanos, como fui testemunha e com quem trabalhei. Para o velho pensador, para o socialista Miguel Arraes, a família era acima de tudo os trabalhadores espoliados. Uma das maiores dificuldades de Gregório Bezerra, no primeiro de abril de 1964, foi convencer camponeses a não virem ao Recife. Massas de trabalhadores se dispunham a vir à luta armados apenas de facões, facas e enxadas contra fuzis e tanques do exército brasileiro. Bastaria esse fato para dar a dimensão do velho. Mas ainda é pouco. A coisa dita assim, até parece que massas ignorantes, fanatizadas, dispunham-se ao sacrifício, a entregar o próprio corpo ao genocídio. Mas não. Tal amor era manifestação testemunhal por atos concretos do que foi o primeiro governo Miguel Arraes. É com ele que surge o revolucionário, o pioneiro e odiado “Acordo do Campo”: trabalhadores da cana-de-açúcar tiveram os mesmos direitos que os trabalhadores urbanos de Pernambuco: salário, décimo terceiro, carteira assinada… deixavam de ser escravos. Daí o fanatismo daquela grande família.

As últimas notícias falam que na portaria da sede do PSB, a quem os jornais chamam com acerto de “sigla”, na região central de Brasília, chegaram a ser pregadas folhas com a inscrição: “Aqui o socialismo resiste. #nenhumvotonoPSDB”. Coitados dos idealistas, tão inocentes. E tão frágeis, porque afinal se mantiveram neste novo PSB, que nega e renega o que foi o partido de Miguel Arraes. O compressor da direita de Eduardo Campos foi mais pesado.

Há nove anos, em um 13 de agosto, escrevi “Arraes, urgente”. Naquele dia, para a memória de um dos mais ilustres brasileiros, lembrei uma declaração de princípios do velho político: “Como homem público, tenho que esperar tudo, sem queixa, porque é minha obrigação ir pra cadeia, se é pra manter a minha posição de defesa do povo e não capitular diante dele. É minha obrigação ir pro exílio, se não posso ficar na minha terra”.

Quantas ciladas a vida nos prega. Hoje, com o apoio do PSB à direita brasileira, a história responde com o fantasma do neto Eduardo Campos: Arraes, adeus.

DIRETO-URARIANO-3

Urariano Mota, escritor e jornalista. Autor do romance Soledad no Recife, sobre o assassinato pela ditadura brasileira da militante paraguaia Soledad Barret, grávida, depois de traída e denunciada por seu próprio amante o Cabo Anselmo. Escreveu também O filho renegado de Deus e seu livro mais recente é o Dicionário Amoroso do Recife. Seu primeiro livro foi Os Corações Futuristas, um romance na época do ditador Garrastazu Médici. Na juventude publicou artigos, contos e crônicas nos jornais Movimento e Opinião.

FONTE: Correio do Brasil

http://correiodobrasil.com.br/destaque-do-dia/a-memoria-de-arraes-e-o-psb/733466/?utm_source=newsletter&utm_medium=email&utm_campaign=b20141014

Dia do Professor–Homenagem

|0 comentários



A Regional SINTEPE- Agreste Meridional parabeniza todos os Professores neste seu dia. A única forma de conquistarmos a Valorização e nos unindo e cobrando dos políticos suas promessas de campanha.Sempre a Educação é Prioridade nos  programas de Governo, até assumirem, quando esquecem o prometido.Só poderemos cobrar se EFETIVAMENTE estivermos juntos e organizados.
Parabéns!!!!Professores do Brasil!!!
Que as frases abaixo sejam refletidas e praticadas no nosso dia a dia.
Um professor pode encontrar a eternidade, pois nunca poderemos determinar onde pára a sua influência sobre os alunos que um dia serão homens, gênios, inventores, sementes que germinaram pelas mãos de seus mestres." (Henry B. Adams)
professor 3"Uma vez que a criança aprenda a aprender, nada pode estreitar sua mente. A essência do ensino é fazer da aprendizagem contagiosa para que contagie outros." (Marva Collins)
"Educar é um dom concebido aqueles que antes de tudo aprenderam a se doar, o magistério é uma eterna doação de amor, de conhecimento, de experiências de vida. A todos os doadores incondicionais aos quais chamamos de professores, nossos votos de muitas felicidades neste dia 15 de outubro." (Luis Alves)
professor
"O que se encontra no início? O jardim ou o jardineiro? É o jardineiro. Havendo um jardineiro, mais cedo ou mais tarde um jardim aparecerá. Mas havendo um jardim sem jardineiro, mais cedo ou mais tarde ele desaparecerá. O que é um jardineiro? Uma pessoa cujo pensamento está cheio de jardins. O que faz um jardim são os pensamentos do jardineiro. O que faz um povo são os pensamentos daqueles que o compõem." (Rubem Alves)
"A educação sozinha não transforma a sociedade, sem ela tam pouco a sociedade muda." (Paulo Freire, educador)
"Houve um tempo em que professores eram chamados de mestres, o que os diferenciam, as atitudes em prol de não apenas educar, mas formar cidadãos conscientes de seus direitos e deveres." (Luis Alves, coach e palestrante)
"Um professor que pode despertar um sentimento de uma boa ação individual, para um bom poema único, realiza mais do que aquele que enche a nossa memória com filas e filas de objetos naturais, classificados com nome e forma." (Johann Wolfgang von Goethe)
professor1
"Um professor que tenta ensinar sem inspirar o aluno com o desejo de aprender está martelando em ferro frio." (Horace Mann)
"Podem esquecer o que você disse, mas eles nunca esquecerão como você as fez sentir." (Carol Buchner)
"Diga-me e eu esquecerei. Ensina-me e eu me lembro .Envolva-me e eu aprendo." (Benjamin Franklin)
"A vantagem é recíproca, pois os homens, enquanto ensinam, aprendem." (Sêneca,)

quarta-feira, 8 de outubro de 2014

Lajedo dá Vitória a Paulo Câmara no Agreste Meridional.

|0 comentários
Eleições-2014-a
Paulo Câmara Ganhou a Eleição no Agreste Meridional por apenas 2.832 Votos, isso graças aos
votos do Município de Lajedo, sem os votos desta cidade teria perdido por mais de 7.000 votos.
Veja os números na tabela abaixo:
OBS. Grifei Brejão e  IATI errado, os vencedores é que não estão em vermelho.




resultado AM

terça-feira, 7 de outubro de 2014

Audiência Pública – Municipalização do Ensino em Garanhuns

|0 comentários

AUDIÊNCIA-PÚBLICA1

Na próxima Quinta-feira ocorrerá na Câmara Municipal de Garanhuns, a partir das 9 Horas uma Audiência Pública que tratará da Municipalização do Ensino em nossa cidade. Confirmadas as presenças do Promotor Público da Cidadania, que lida com as questões Educacionais aqui em Garanhuns Dr. Domingos Sávio Agra, da Vice-Presidente do SINTEPE Professora Antonieta Trindade, do Gestor da GRE ou seu representante, da Secretária de Educação ou Representante.

Esta Audiência foi sugestão do Coordenador Regional do SINTEPE, Augusto Souto em Audiência Pública sobre Educação ocorrida há alguns meses atrás. Também propomos que a data fosse após o 1º Turno para que ficasse isenta de “policagem” por parte de A ou B. O Presidente da Câmara e o Promotor público acataram nossa sugestão, esperamos contribuir neste debate.

A  CÂMARA DE VEREADORES, O SINTEPE, A UESG, A GRE e a SECRETARIA DE EDUCAÇÃO DE GARANHUNS Convidam toda Comunidade Escolar de Garanhuns (Estadual e Municipal) para participação na Audiência Pública.

oficioa aos trabalhadores

oficio

segunda-feira, 6 de outubro de 2014

Resultados para Todos os Cargos em Garanhuns

|0 comentários

res legisl

res fdewderal

result estadual-garanhuns

domingo, 5 de outubro de 2014

Veja os Deputados Eleitos em Pernambuco -Lista Oficial

|0 comentários
 o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) divulga a  lista dos 25 deputados federais eleitos em Pernambuco. Com 274.514 votos  (6,35%), Eduardo da Fonte (PP) é o federal mais votado no estado. Em segundo lugar, Pastor Eurico (PSB) aparece com 225.172 votos (5,21%). Fechando o pódio, vem Jarbas Vasconcelos (PMDB) com 220.019 votos (5,09%). Confira abaixo a lista dos 25:

1. Eduardo da Fonte (PP)
2. Pastor Eurico (PSB)
3. Jarbas Vasconcelos (PMDB)
4. Felipe Carreras (PSB)
5. Anderson Ferreira (PR)
6. Daniel Coelho (PSDB)
7. Bruno Araújo (PSDB)
8. João Fernando Coutinho (PSB)
9. Sebastião Oliveira (PR)
10. Danilo Cabral (PSB)
11. Fernando Filho (PSB)
12. Silvio Costa (PSC)
13. André de Paula (PSD)
14. Tadeu Alencar (PSB)
15. Adalberto Cavalcanti (PTB)
16. Betinho (PSDB)
17. Gonzaga Patriota (PSB)
18. Marinaldo Rosendo (PSB)
19. Zeca Cavalcanti (PTB)
20. Ricardo Teobaldo (PTB)
21. Mendonça Filho (DEM)
22. Wolney Queiroz (PDT)
23. Luciana Santos (P.C. do B)
24. Jorge Côrte Real (PTB)
25. Kaio Maniçoba (PHS)
 o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) divulga a lista dos 49 deputados estaduais eleitos em Pernambuco. Com 212.937 votos até o momento (4,74%), Pastor Cleiton Collins (PP) é o estadual mais votado no Estado. Em segundo lugar, Presbitero Adalto Santos (PSB) aparece com 155.545 votos (3,46%). Fechando o pódio, vem Raquel Lyra (PSB) com 80.169 votos (1,78%). Confira abaixo a lista dos 49: 
 1. Pastor Cleiton Collins (PP)
2. Presbitero Adalto Santos (PSB)
3. Raquel Lyra (PSB)
4. André Ferreira (PMDB)
5. Simone Santana (PSB)
6. Guilherme Uchôa (PDT)
7. Joaquim Lira (PSD)
8. Silvio Costa Filho (PTB)
9. Rodrigo Novaes (PSD)
10. Alberto Feitosa (PR)
11. Nilton Mota (PSB)
12. Odacy Amorim (PT)
13. Lucas Ramos (PSB)
14. Waldemar Borges (PSB)
15. Miguel Coelho (PSB)
16. Manoel Santos (PT)
17. Eriberto Medeiros (PTC)
18. Lula Cabral (PSB)
19. Henrique Queiroz (PR)
20. Francismar (PSB)
21. Bispo Ossesio Silva (PRB)
22. Vinícius Labanca (PSB)
23. Claudiano Filho (PSDB)
24. Aluísio Lessa (PSB)
25. Clodoaldo Magalhães (PSB)
26. Priscila Krause (DEM)
27. Júlio Cavalcanti (PTB)
28. Diogo Moraes (PSB)
29. Aglailson Júnior (PSB)
30. José Humberto Cavalcanti (PTB)
31. Rogério Leão (PR)
32. Álvaro Porto (PTB)
33. Ângelo Ferreira (PSB)
34. Tony Gel (PMDB)
35. Romário (PTB)
36. Ricardo Costa (PMDB)
37. Everaldo Cabral (PP)
38. Pedro Serafim Neto (PDT)
39. Edílson Silva(PSOL)
40. Beto Acioli (SD)
41. Socorro Pimentel (PSL)
42. Teresa Leitão (PT)
43. Augusto César (PTB)
44. Soldado Joel(PROS)
45. Dr. Valdir  (PP)
46. João Eudes (PRP)
47. Eduíno (PHS)
48. Zé Maurício (PP)
49. Professor Lupércio (SD)

sábado, 4 de outubro de 2014

Aniversário da minha nova vida- Faz três anos que revivi

|0 comentários
Ontem 03 de Outubro fez 3 anos que revivi, sem a cirurgia tenho certeza que já estaria morto.Veja abaixo um pouco desta História.

Cópia de DSCF1633
 Os pupilos de Dr. Vladimir
Em 1998, descobri que estava diabético(diabetes melitus), fazia a dieta. Mas, não adiantava cada vez mais a doença se agravava. Em 2009 procurei os padrinhos dos meus filhos pequenos e disse-lhes que não tinha perspectiva de viver nem mais 2 anos, pois reiteradas vezes tinha hi(mais de 500 de glicemia) , a medicação oral passou a não fazer mais efeito, entrei na Insulina. No final de 2009 fui diagnosticado com síndrome metabólica. E minha luta contra a diabetes continuava e as sequelas desta doença cada vez mais se agravavam, risco de retinopatia diabética, neuropatia, problemas renais. Em 2009 vi um vídeo de um médico da Universidade de Campinas convidando “voluntários” a participar de sua pesquisa que era através da redução de estômago controlar a diabetes.Imediatamente descobri o e-mail do médico e solicitei inscrição, fui aceito e recebi orientação para encaminhar resultados de exames, destes 3 eram muito caro na época. O SASSEPE não cobria, ai tentei com uma ação na Justiça.Mas, logo depois recebi um e-mail informando que por conta da falta destes exames fui desligado da pesquisa. Encaminhei e-mail a UNICAMP perguntando se no Nordeste estaria acontecendo alguma pesquisa similar, recebi resposta uns 40 dias depois relatando que no Hospital das Clínicas teria uma pesquisa. Fui a procura e rapidamente já estava participando da Pesquisa, passei a ir frequentemente a Recife.Porém, o caminho seria longo.Mas, nunca desisiti e no dia 27 de Setembro de 2011, recebo o tão esperado telefonema para internar-me no Hospital que a cirurgia ia sair, seria o primeiro a submeter-me aqui no Nordeste.As pessoas perguntavam-me se eu não teria medo, dizia que em nenhum momento pois meu medo maior seria morrer pelas consequências da Diabetes.Assim, no dia 03 de outubro de 2011 Dr. Vladimir Curvelo e seus pupilos fizeram a cirurgia. Fui abandonado naquele Hospital por minha "dignissima esposa", tive uma infecção, passando quase 30 dias internado.Mas, hoje percebo que tudo valeu a pena. Agradeço o carinho de todos do Hospital das Clínicas do Recife. Obrigado a Dr. Vladimir e a todos de sua equipe por me dá perspectiva de vida, coisa que antes não tinha mais.Abaixo fotos com funcionários, médicos  e pacientes que fiz amizade durante o tempo que fiquei por lá. 
                                                           Dr. Vladimir e sua irmã.

Passei quase 40 dias com a barriga desse jeito. Desculpas aqueles que não gostam de vê.Mas, isso mostra-me que na vida tudo passa.
Cópia de DSCF1573
Abaixo fotos com funcionários, médicos  e pacientes que fiz amizade durante o tempo que fiquei por lá.Da minha segunda passagem pelo Hospital. Infelizmente não levei câmera na 1ª vez.E muitos amigos não ficaram registrados.
 Cópia de DSCF1596
Cópia de DSCF1582 
Cópia de DSCF1576

Cópia de DSCF1577
Minha anjo da guarda – Ajudou-me muito no Hospital.

 Cópia de DSCF1579  Cópia de DSCF1581Cópia de DSCF1582 Cópia de DSCF1583 Cópia de DSCF1584 Cópia de DSCF1585 Cópia de DSCF1586 Cópia de DSCF1587 Cópia de DSCF1588 Cópia de DSCF1590 Cópia de DSCF1591 Cópia de DSCF1592 Cópia de DSCF1593 Cópia de DSCF1594 Cópia de DSCF1595 Cópia de DSCF1597 Cópia de DSCF1631 
Cópia de DSCF1632
Este meu amigo, deu-me a maior lição de vida, passou quase dois anos internado no Hospital, submeteu-se a uma cirurgia grave no coração, passou quase 1 mês na UTI.Mas, sempre otimista, ai já estava restabelecido e pronto para voltar a sua terrinha em Sergipe.

quinta-feira, 2 de outubro de 2014

Audiência Pública sobre Municipalização do Ensino Ocorrerá em Garanhuns

|0 comentários

Índice

Na próxima Quinta-feira ocorrerá na Câmara Municipal de Garanhuns, a partir das 9 Horas uma Audiência Pública que tratará da Municipalização do Ensino em nossa cidade. Confirmadas as presenças do Promotor Público da Cidadania, que lida com as questões Educacionais aqui em Garanhuns Dr. Domingos Sávio Agra, da Vice-Presidente do SINTEPE Professora Antonieta Trindade, do Gestor da GRE ou seu representante, da Secretária de Educação ou Representante.

Esta Audiência foi sugestão do Coordenador Regional do SINTEPE, Augusto Souto em Audiência Pública sobre Educação ocorrida há alguns meses atrás. Também propomos que a data fosse após o 1º Turno para que ficasse isenta de “policagem” por parte de A ou B. O Presidente da Câmara e o Promotor público acataram nossa sugestão, esperamos contribuir neste debate.

A  CÂMARA DE VEREADORES, O SINTEPE, A UESG, A GRE e a SECRETARIA DE EDUCAÇÃO DE GARANHUNS Convidam toda Comunidade Escolar de Garanhuns (Estadual e Municipal) para participação na Audiência Pública.

oficioa aos trabalhadores

oficio

Elisa Coelho completará 50 anos este mês

|0 comentários

Veja abaixo Programação de Aniversário

Programação (Divulgação Interna) DEF

Uma série de atividades  movimentará as comemorações de aniversário da Escola Professora Elisa Coelho, em Garanhuns. A tradicional instituição de ensino completará, em 2014, 50 anos de serviço pela educação na cidade. Apresentações culturais, jogos esportivos e lançamento de livro com resgate histórico da escola farão parte da programação.

Fonte : Blog da GRE

http://gre-garanhuns.blogspot.com.br/2014/10/escola-professora-elisa-coelho-se.html

Muito me honra ter sido aluno desta Escola. “Bicho do mato” vindo de Saloá fui acolhido com muito carinho por Professores e colegas de turma, tempos memoráveis.

quarta-feira, 1 de outubro de 2014

Reitores da UPE e UFPE são do Agreste Meridional

|0 comentários

O ex-diretor do campus Garanhuns da Universidade de Pernambuco, professor Pedro Falcão é o novo Reitor daquela Instituição. Falcão e a sua companheira de chapa, a professora Socorro Cavalcanti, foram eleitos para um mandato de quatro anos, a partir de 2015. Pedro substituirá o professor Carlos Calado, que esta à frente da Universidade desde 2007.
A eleição foi promovida nessa terça-feira, dia 30, sendo realizada em todas as Unidades da UPE espalhadas pelo Estado, bem como nos hospitais que integram a Instituição. Participaram do pleito, estudantes, servidores e professores. Os números consolidados da apuração serão divulgados nessa quinta-feira, dia 2.

Natural de São João, Pedro Falcão é Bacharel em Ciências Biológicas pela Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE), mestre em Ciências na área de Biologia Celular e Molecular pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) e doutor em Ensino, Filosofia e História das Ciências, pela Universidade Federal da Bahia (UFBA).

Falcão foi Presidente do Conselho Regional de Biologia da 5° Região. Professor adjunto com dedicação exclusiva da Universidade de Pernambuco (UPE) foi eleito vice-diretor em dois mandatos do campus da UPE em Garanhuns (1997 a 2001 e de 2001 a 2005) e em seguida assumiu a Direção, por dois mandatos, dos campi da UPE em Garanhuns, Caruaru, Salgueiro (2005 a 2009 e de 2009 a 2013). Ainda exerceu a função de Pró-Reitor de Administração da UPE (Proadmi) e Secretário Executivo de Ciência e Tecnologia de Pernambuco, cargo do qual se desligou para disputar a reitoria da Universidade de Pernambuco.

Abaixo informações sobre a eleição e posse do Reitor da UFPE o Garanhuense Anísio Brasileiro em 2011

anisio

O reitor da UFPE é o professor Anísio Brasileiro de Freitas Dourado, 57 anos. Ele foi pró-reitor de Pesquisa e Pós-Graduação da UFPE de 2007 a 2011, após ter sido pró-reitor de Extensão no primeiro mandato do professor Amaro Lins. Brasileiro cursou Engenharia Civil na UFPE, tendo concluído o curso em 1977. Ele fez mestrado em Engenharia Industrial pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (1981), especialização (1987) e doutorado em Transportes pela École Nationale des Ponts et Chaussées (1991), além de ter feito pós-doutorado no Laboratoire Téchniques, Territoires et Société (LATTS), associado à École Nationale des Ponts et Chaussées, Université Marne La Valée et Université Paris XI (2000).

Anísio Brasileiro obteve 60,80% dos votos na consulta realizada no dia 26 de abril à comunidade acadêmica da UFPE, sendo sagrado o mais mais votado para encabeçar a lista tríplice que foi encaminhada ao Ministério da Educação (MEC), para a escolha do reitor da UFPE para o quadriênio 2011-2015. O vice-reitor eleito na chapa foi o professor Sílvio Romero Marques, do Centro de Ciências da Saúde (CCS). Ao todo, votaram 16.363 eleitores, sendo 16.006 votos válidos, 184 votos nulos e 173 votos em branco.

A consulta à comunidade acadêmica, que contou com 85 urnas – sendo 81 eletrônicas e quatro manuais – espalhadas em 16 unidades dos três campi da UFPE (Recife, Caruaru e Vitória de Santo Antão), envolveu um colégio eleitoral de 2.136 docentes, 3.778 servidores técnico-administrativos e 32.012 alunos, totalizando 37.926 eleitores. Desse universo, 43,14% compareceram à votação, que se prolongou das 9h até as 21h30.

Ele foi empossado no cargo de reitor no dia 6 de outubro, em solenidade realizada em Brasília, na sede do MEC, pelo ministro da Educação, Fernando Haddad. A transmissão de cargo aconteceu no dia 11 de outubro, no Centro de Convenções da UFPE, em cerimônia prestigiada por autoridades dos diversos poderes, professores, servidores técnico-administrativos e estudantes da UFPE.

sábado, 27 de setembro de 2014

Candidatos com nomes Estrambóticos

|1 comentários

A “criatividade” nos nomes dos candidatos este ano perde feio se relacionarmos com eleições passadas. Talvez isso deva-se aos cargos pretendidos. Vejamos os Principais nomes de 2014:

28151438215533    28151352116531

2815150461053628151557448543

2815162463954528151650691549

2815180717855728151833262565

2815193890757028151955864571

Veja a “Criatividade” dos nomes nas eleições anteriores:

burrinho-da-oficina-294x440cagado-410x440

chica-chiclete-440x315leo-kret-293x440

claudete-440x330cristo-311x440

jorge-perereca-299x440lurdí-jipao

moto-rosa-307x440xota-oi-meu-bem-319x440

nego-cadete-jose-rola-440x330zezinho-merda-440x398